A gestão dos processos minerários em um só lugar.

A Serra dos Carajás fica localizada na região centro-sul do estado do Pará e atravessa partes dos municípios de Marabá, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Parauapebas e São Félix do Xingu. É umas das regiões mais requisitadas pelos mineradores e ter a oportunidade de realizar um projeto de mineração na região pode ser um excelente investimento.

Carajás, conhecida como a maior mina de minério de ferro a céu aberto do mundo, foi descoberta em 1967, quando o helicóptero onde estava o geólogo Breno Augusto dos Santos fez um pouso de abastecimento em uma clareira da Serra Arqueada, no sudeste do Pará.

A pesquisa que era destinada a manganês acabou tomando outros destinos e fez com que o Brasil se tornasse referência em minério de ferro, sendo um país destaque na mineração mundial.

Carajás também é considerada a maior província mineral do Brasil, cujos principais depósitos além do minério de ferro, são manganês, cobre, ouro, paládio, platina e níquel. Outras substâncias que ocorrem em depósitos menores ou que constituem subprodutos da mineração são alumínio, prata, cromo, molibdênio, estanho, urânio e tungstênio.

Atualmente, a VALE produz cerca de 150 milhões de toneladas anuais de minério de ferro no Complexo de Carajás (Figura 01), o que representa cerca de 37% da produção total do Brasil. A VALE ainda possuí mais de 400 processos minerários na região, assim pode-se perceber a grandeza e a importância dessa província mineral.

Figura 01: Projeto S11D VALE - Complexo Carajás. Ao lado direito inferior, tem-se uma imagem do Jazida.com com os processos minerários da Vale na Serra de Carajás plotados no mapa e o limite das cidades citadas em vermelho. Fonte: Vale e Jazida.com

Desde a sua descoberta, Carajás desperta a atenção e o interesse de muitos investidores e mineradores do país e exterior, na região podemos encontrar diversas minas e garimpos.

Realizamos uma “pesquisa avançada” em nossa plataforma e constatamos que atualmente existem mais de 2.000 processos minerários ativos (Figura 02) localizados na região das cidades na Serra de Carajás, como podemos perceber na imagem as substâncias são diversas.

Figura 02: Pesquisa avançada feita na plataforma Jazida.com. Foi utilizado o parâmetro de processos ativos nas cidades de Marabá, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Parauapebas e São Félix do Xingu (limite em vermelho). Fonte: Jazida.com

Se você é minerador, consultor, garimpeiro ou qualquer outro profissional que trabalha no setor de mineração, provavelmente está acompanhando as novidades relacionadas as “DISPONIBILIDADES DE ÁREAS ANM”.

Se você não sabe do que se trata, nós explicamos:

Quando um Processo Minerário é renunciado, desistido, ou no caso de o titular ter seu direito caducado, ele é destinado ao Regime de Disponibilidade e compete à Agência Nacional da Mineração ofertar a referida área por meio de processo licitatório, a fim de encontrar novos interessados.

Popularmente, chamamos essas licitações de leilões, e o primeiro deles ocorreu em 2019 no mês de outubro, para os direitos de exploração de minérios no Complexo Polimetálico de Palmeirópolis (TO). O leilão foi realizado pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM), no Rio de Janeiro, na ocasião foram ofertadas 8 áreas. De acordo com o governo, o complexo tem potencial para cobre, chumbo, zinco e ouro. O Projeto Palmeirópolis compreende seis processos minerários, totalizando 6.050 ha, todos com relatórios finais de pesquisa aprovados. O bloco foi arrematado no leilão por proposta única.

Essas licitações fazem parte de um projeto de mineração do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), o programa de concessões e privatizações do Governo Federal, que tem como objetivo fomentar o mercado da mineração brasileiro.

Outros leilões irão ocorrer, porém cabe a ANM decidir quais serão as áreas e as commodities ofertadas. Sabendo dessa possibilidade, o ideal é SE INFORMAR, SE ORGANIZAR e PLANEJAR.

Se você ou a sua empresa atuam/pretendem atuar na região de Carajás, realizar uma pesquisa prévia das áreas e utilizar o filtro “possíveis futuras disponibilidades” disponível no Jazida.com pode ser uma boa estratégia que te ajudará a se destacar.

Ao fazer uma pesquisa em nossa plataforma, utilizamos os seguintes critérios: Filtro “Possíveis Futuras Disponibilidades” + Filtro de “Localização” (Figura 03), a pesquisa retornou mais de 500 processos que poderão entrar em disponibilidade em breve.

Figura 03: Pesquisa avançada Filtro “Possíveis Futuras Disponibilidades” + Filtro de “Localização”. Fonte: Jazida.com

Refinando ainda mais a nossa busca, inserimos dois novos critérios, filtros personalizados para Ouro e Ferro, duas substâncias que se destacam bastante na região de Carajás.

A busca nos retornou 196 áreas para Ouro e 27 áreas para Ferro. São 222 processos que possuem potencial para irem para leilão (Figura 04).

Figura 04: Pesquisa avançada para Áreas em disponibilidade nos municípios Marabá, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Parauapebas e São Félix do Xingu (limite em vermelho), combinado com o filtro de substâncias, definindo Ouro e Ferro. Fonte: Jazida.com

Dica: Vale a pena checar se as áreas estão em unidade de conservação ou reserva indígena, possivelmente este número pode diminuir. Entenda sobre o assunto em nosso texto: Futuras disponibilidades ANM e Áreas de proteção ambiental. O que pode ser feito?

Mas vocês podem nos perguntar: Como posso aproveitar essa informação?

Utilizamos apenas 2 exemplos com as substâncias Ouro e Ferro, porém você pode adaptar a pesquisa a sua realidade.

Ela pode ser focada em encontrar novas áreas de pesquisa, se o seu foco é mineração para a Níquel, faça o seu filtro personalizado para essa substância e encontre áreas que podem ser do seu interesse.

Se você já possui processos minerários na região e deseja expandir, busque áreas que irão favorecer o seu negócio atual, áreas próximas com histórico de recursos minerais encontrados, por exemplo.

Se você é um investidor e busca áreas para revenda posterior, busque processos que apresentaram Relatório Final de Pesquisa Positivo.

São inúmeras possibilidades para você trabalhar de forma estratégica.

Veja abaixo a comparação das áreas em disponibilidade e os recursos minerais encontrados na região:

Figura 05: Polígonos das Possíveis futuras Disponibilidades ANM nos municípios Marabá, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Parauapebas e São Félix do Xingu (limite em vermelho) e Recursos minerais mapeados na região. Fonte: Jazida.com e CPRM.

Percebe como muitas das áreas coincidem com os recursos minerais mapeados pela CPRM?

São diversas áreas que podem gerar inúmeros negócios para Metais ferrosos e não ferrosos, Metais preciosos, dentre outros.

Realizamos esse estudo para trazer informações que podem ser úteis para que novos negócios sejam estudados e estruturados. Temos como objetivo organizar os dados e dar transparência para o mercado da mineração no Brasil, para que você Minerador, tome a decisão correta com a informação que você precisa.

Gostaria de saber outras informações sobre como obter informações estratégicas que te auxiliam no gerenciamento de processos minerários? Fale com a nossa equipe, estamos à disposição.

You’ve successfully subscribed to Jazida
Welcome back! You’ve successfully signed in.
Great! You’ve successfully signed up.
Your link has expired
Success! Check your email for magic link to sign-in.